Buscar

Adiada a votação da MP 905 que tira direitos





O presidente Miguel Torres, do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes, CNTM e Força Sindical, está em Brasília para uma série de ações em defesa da democracia, do movimento sindical e dos direitos da classe trabalhadora.

Ele esteve na manhã desta quarta, 4, na comissão mista que votaria a MP 905 do governo, que criou a carteira de trabalho verde e amarela, impõe o trabalho aos domingos e tira vários outros direitos dos trabalhadores. “A votação foi adiada pra semana que vem, um tempo a mais para tentarmos neutralizar os efeitos nefastos desta medida provisória”, diz Miguel Torres.


Depois esteve na reunião do Fórum Sindical dos Trabalhadores, na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Cultura e Educação, com o deputado federal Paulinho da Força, debatendo as propostas de fortalecimento das estruturas sindicais no País e estratégias de ações do movimento sindical no Congresso Nacional.

Também participou na Câmara dos Deputados de reunião da Liderança da Minoria na Câmara com movimentos sociais, centrais, federações e confederações sindicais.




Fonte: CNTM/Val Gomes


FEDERAÇÃO DOS METALÚRGICOS DO ESTADO DE SÃO PAULO 

Rua Pará, 66 - Higienópolis - São Paulo - SP - Tel.: 3217--5255

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • YouTube
logo z.jpg